Aeroporto de Maringá tem escalas alteradas para permitir obras

Aeroporto de Maringá tem escalas alteradas para permitir obras

Maringá flexibiliza regras da quarentena em novo decreto
Maringá muda regras do isolamento domiciliar em novo decreto
18 de abril de 2020
Novo decreto determina estratégia de abertura do comércio em Maringá
Novo decreto determina estratégia de abertura do comércio em Maringá
22 de abril de 2020
Aeroporto de Maringá tem escalas alteradas para permitir obras

Obras de modernização e ampliação do aeroporto de Maringá mudam escalas de voos a partir desta segunda-feira (20).

Aeroporto de Maringá tem escalas alteradas para permitir obras

Pousos e decolagens chegando e partindo do aeroporto de Maringá terão sua escala alterada para possibilitar que uma das etapas das obras de modernização e ampliação seja concluída. O projeto que vai trazer benefícios para quem utiliza o terminal está dentro do cronograma previsto e terá investimento total de R$ 81,5 milhões. As mudanças passam a valer a partir desta segunda-feira (20).
A etapa que está em andamento agora deve durar 90 dias e compreende uma série de avanços. Por exemplo, a via de acesso de emergência deve ser revitalizada e alargada durante esta etapa. Outra área que terá modificações neste momento é o pátio de manobras de veículos, que será ampliado. Ainda, a seção contra incêndio (SCI) será reformada e ampliada.
Enquanto isso, a faixa da pista de voo receberá adequações e serão pintadas e instaladas as sinalizações horizontal e vertical, bem como o balizamento luminoso e a rede de drenagem.
Aeroporto de Maringá tem escalas alteradas para permitir obras

Obras de modernização e ampliação do aeroporto de Maringá mudam escalas de voos a partir desta segunda-feira (20).

Alterações nas escalas de voo

Ao longo do restante do mês de abril e do mês de maio, todos os voos saindo do aeroporto de Maringá com destino ao aeroporto de Guarulhos que, normalmente, são realizados às sextas-feiras passarão a ser realizados aos sábados. Assim que esta etapa for finalizada, a partir do fim de maio, a companhia aérea GOL deve passar a realizar três voos semanais.
Além da reforma, a pandemia de coronavírus também trouxe mudanças para a rotina do aeroporto. Para prevenir a transmissão da Covid-19 e reduzir a velocidade de contaminação na cidade, equipes da Secretaria Municipal de Saúde estão de plantão 24 horas por dia no local. De acordo com o superintendente do Aeroporto de Maringá, Fernando Rezende, “todas as medidas de prevenção e combate ao coronavírus são aplicadas de forma rigorosa, com os cuidados necessários para quem chega e sai de Maringá”. O objetivo do trabalho é identificar, supervisionar e orientar pacientes suspeitos do vírus.

Ulisses Maia assinou ordem de serviço para reforma do aeroporto em 2019

As obras para melhorar a infraestrutura do aeroporto tiveram sua ordem de serviço assinada no começo de 2019. Primeiramente, o objetivo é oferecer mais conforto aos usuários do terminal. Quando da assinatura, o prefeito Ulisses Maia enfatizou as prioridades e expectativas. “Além de oferecer mais conforto para os usuários e maior segurança para as operações, as melhorias no nosso aeroporto permitirão a volta dos voos internacionais de cargas e a entrada em operação comercial de outras companhias aéreas aqui.”

Outro benefício possível da reforma seria uma concorrência mais ampla entre as aéreas. Assim, o preço das passagens poderia diminuir. Ao final das obras, o terminal terá recebido uma série de intervenções, fora os pontos do projeto que estão sendo desenvolvidos neste momento. O prazo de entrega do aeroporto vai até agosto de 2020.